sábado, 28 de janeiro de 2012

Apostila - Estudo de Alto Rendimento e Leitura Otimizada


OTIMIZAÇÃO DO ESTUDO, LEITURA DINÂMICA E MEMORIZAÇÃO

1. PARADIGMAS A SEREM QUEBRADOS:
1.1. Resistência a mudanças;
1.2. Motivações incorretas;
1.3. Não acredito nisso! Não creio que a leitura otimizada dê certo para estudos técnicos!
1.4. Ler em voz alta ou com os lábios;
1.5. Não posso descansar ou fazer exercícios físicos, pois meus concorrentes não param!
OBS.: Qual a sua velocidade de leitura hoje? O normal é que você leia aproximadamente 200 palavras/minuto. Não há como aprender, caso não haja humildade. Qual o seu grau de concentração?

2. QUATRO FORMAS DE CAPTAÇÃO E OTIMIZAÇÃO DO ESTUDO
2.1. Nosso cérebro capta informações utilizando os sentidos (tato, olfato, paladar, visão e audição). Os sentidos conduzem às 04 formas de captação, conforme explica Willian Douglas:
a) Visual: Precisa ver, não basta a simples conversa; a identificação ocorre por palavras (viu? olha? visualiza?) ou gestos – gesticula na frente do corpo.
•    Aplicação: É necessário a utilização de cores, fazer esquemas, mentalizar, etc.
b) Auditivo: Tem que ouvir; é identificado por gestos na altura do ouvido, se vira levemente para ouvir.
•    Aplicação: Gravar a síntese da matéria. Fazer recitações.
c) Cinestésico (sentir): ligada ao tato, olfato e paladar. Dá a idéia de que vai cheirar o que pega.
•    Aplicação: Precisa criar novos métodos de estudo – não pode ficar na mesmice; deve tocar o livro e cheirá-lo; associar matérias com cheiros diferentes; utilizar bolinha na mão enquanto estuda é boa tática; é necessário testar qual método dará mais certo.
2.3. Digital ou polivalente: Tem um equilíbrio entre os sentidos. É uma pessoa mais introspectiva e pensativa. Quer explicação sobre tudo.
•    Aplicação: É indicado para essas pessoas fazer sínteses e utilizar de todos os sentidos.

3. OTIMIZAÇÃO DA LEITURA
3.1. Leitura otimizada x compreensão
É completamente possível aumentar a velocidade da leitura sem que haja prejuízos na compreensão.
3.2. A leitura otimizada
O leitor tradicional lê palavra por palavra, enquanto o leitor otimizada lê bloco de palavras.
3.3. Postura
Segundo Evelyn Wood, citado por Juarez Lopes, a leitura otimizada está associada aos seguintes hábitos: a) postura; b) preparação do livro; c) métodos de virar páginas; e, d) visão panorâmica do livro com dedos (pré-leitura).
3.4. Como combater os vícios?
a) Vícios comuns: ler em voz alta; silabando; voltar ao início do texto porque não entendeu e interrupção da leitura.
b) Solução: aumento da velocidade da leitura.
3.5. Ambiente de leitura
O local físico deve ser apropriado para que o leitor se sinta confortável e bem.
3.6. Leitura em blocos
Não temos a necessidade de ler letra por letra, palavra por palavra. Podemos ler em bloco. Vejamos:
“DE AORCDO COM UMA PQSIEUSA DE UMA UINRVESRIDDAE IGNLSEA, NÃO IPOMTRA EM QAUL ODREM AS LRTEAS DE UMA PLRAVAA ETÃSO, A ÚNCIA CSIOA IPROTMATNE É QUE A PIREMRIA E ÚTMLIA LRTEAS ETJASM NO LGARU CRTEO. O RSETO PDOE SER UMA TTAOL BÇGUANA QUE VCOÊ PDOE ANIDA LER SEM POBRLMEA. ITSO É POQRUE NÓS NÃO LMEOS CDAA LRTEA ISLADOA, MAS A PLRAVAA CMOO UM TDOO.”
•    Deu certo? Ah! Ainda não acredito nisso! Então vejamos se vai dar certo com números:
“35T3 P3QU2N0 T3XTO 53RV3 4P3N45 P4R4 M05TR4R COMO NO554 C4B3Ç4 CONS3GU3 F4Z3R CO1545 1MPR15510 N4ANT35! R3P4R3 N1550! NO COM3ÇO 35T4V4 M310 COMPL1C4DO, M45 N3ST4 L1NH4 SU4 M3NT3 V41 D3C1FR4NDO O CÓDIGO QU453 1UTOM4T1C4M3NT3, S3M PR3C1S4R P3N54R MU1TO, C3RTO? POD3 F1C4R B3M ORGULHO5O D155O! SU4 C4P4C1D4D3 M3R3C3! P4R4BÉN5!”
•    Deu certo?
3.7. Resumos
É utilização da memória associativa e o uso de expressões mnemônicas é indispensável. Inicialmente pode não ser tão prazeroso, mas os resultados são extraordinários. Você se lembra das primeiras vezes que assistiu filme legendado? Você conseguia acompanhar as cenas, lendo a legenda? O normal é que não.

4. OTIMIZAÇÃO DO ESTUDO

Estudar é reinventar. Conforme Paulo Freire “estudar é uma atividade que exige uma postura crítica, em que o que estuda se sente desafiado pelo texto em sua totalidade e seu objetivo é apropriar-se de sua significação”.
4.1. Administração (mapa) do tempo: inventário e prioridades. A cada 50 minutos de leitura, descanse por aproximadamente dez minutos.
4.2. Por que estou estudando isso? Quais são suas dúvidas? Deve-se estudar com finalidade, de forma a extrair a essência do texto, e os pormenores.
4.3. Sublinhar: indico que somente sublinhe após ter entendido.
4.4. Anotar à margem do texto.
4.4. Após o resumo, indico que volte às questões.
4.5. Indicação do ritual de estudo: a) preparação; b) concentração; c) programa do último concurso; d) inventário de dúvidas; e) pesquisa inicial (pré-leitura); f) leitura; g) esquema; h) sublinhar; i) resumir; e, j) verificar aprendizagem (voltar ao inventário de dúvidas).

5. DICAS PARA PROVAS
5.1. Objetivas:
a) Ver o tamanho da prova e sobre o formato das questões;
b) Ler instruções e responder as questões mais simples;
c) Veja o contexto.
5.2. Questões do CESPE
Dependem do contexto. As palavras-chaves devem ser sublinhadas.
O ensino em Brasília é construtivista, portanto, a interpretação de texto e o raciocínio lógico devem ser levados em conta.
5.3. Provas da Fundação Carlos Chagas
As questões da FCC são razoavelmente simples e sem “peguinhas”, mas exige elevado grau de concentração, especialmente porque explora o texto de leis “secas” (sem comentários).
Indico a leitura das leis “secas” com utilização de “destaca texto”.
Os roteiros e resumos são indispensáveis para resolução de questões da FCC, os quais devem ser memorizados ao máximo.
5.4. Provas da ESAF
O perfil das provas da ESAF é muito próximo do CESPE. Também emprega métodos tipicamente construtivistas, portanto todo cuidado com a interpretação de texto e raciocínio lógico é pouco.
Usualmente não utilizam de “peguinhas”. A lei “seca” também é utilizada, mas com uso frequente da interpretação doutrinária.
5.5. Provas discursivas
As respostas devem ser objetivas e precisas. Fazer primeiramente – em um rascunho – os tópicos da resposta. A divisão do tempo para cada questão é de extrema importância. Os “rodeios” são terminantemente proibidos.

CONCLUSÃO
Almejo que você alcance o máximo de sucesso que Deus tem para a sua vida, e que tudo que Ele coloca em nossas mãos é para ser distribuído com o maior número de pessoas possível.
Que Jesus Cristo lhe abençoe!
Nunca se esqueça: NÃO O QUE FAZER PARA DEUS NOS AMAR MAIS OU MENOS; ELE SIMPLESMENTE DECIDIU NOS AMAR.
 
Marcos César Barbosa
Discípulo de Jesus Cristo

Nenhum comentário:

Postar um comentário